Amigos, colegas e admiradores lamentam a morte de Zuza Homem de Mello

De Redação Estadão | 4 de outubro de 2020 | 12:26

Mais importante pesquisador de música do País, Zuza Homem de Mello morreu neste domingo, 4, aos 87 anos, em sua casa, em São Paulo, enquanto dormia. Escritor, jornalista, contrabaixista e técnico de som, Zuza deixa uma obra que elevou a percepção da música brasileira no exterior e tornou possível a compreensão do jazz no Brasil.

Ele havia finalizado na última terça-feira, 29, uma biografia sobre João Gilberto. Zuza tinha uma frase que levava para a vida: “Ensinar as pessoas a aprender a ouvir.”

Amigos, colegas e artistas se manistestaram nas redes sociais, em uma última homenagem a Zuza Homem de Mello.

Estadao Conteudo
Copyright © 2020 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Deixe um comentário