Bahia faz 1º tempo impecável, goleia Melgar e avança às oitavas da Sul-Americana

De Redação Estadão | 5 de novembro de 2020 | 23:43

O Bahia está classificado para as oitavas de final da Copa Sul-Americana. Depois de perder o jogo de ida da segunda fase, fora de casa, por 1 a 0, o time brasileiro fez um primeiro tempo impecável diante do Melgar, na noite desta quinta-feira e venceu pelo placar de 4 a 0, na volta à Fonte Nova, em Salvador.

O Bahia não jogava lá há oito meses, desde que o estádio passou a ter um hospital de campanha por causa da pandemia do novo coronavírus. E o retorno foi em grande estilo. Fessin (2), Gregore e Gilberto fizeram os gols da vitória.

Nas oitavas de final, o Bahia já sabe quem irá encarar. Trata-se do Unión Santa Fé, que também nesta quinta-feira, reverteu a vantagem diante do Emelec, ao vencer por 2 a 1 e avançou. Ao lado do time baiano, apenas o Vasco segue representando o Brasil na competição após a eliminação do São Paulo para o Lanús.

O JOGO – Precisando do resultado para avançar, o Bahia dominou o primeiro tempo do começo ao fim e abriu uma boa vantagem. Logo aos 11 minutos, Juninho Capixaba cobrou escanteio, a bola passou por todo mundo e sobrou para Fessin, que completou de pé direito e abriu o placar na Fonte Nova. O segundo gol não demorou para acontecer. Aos 19 minutos, em mais uma bola alçada na área, Gregore cabeceou firme e mandou para o fundo das redes.

Quando o Melgar tentava responder, o Bahia foi mais duas vezes ao ataque e marcou dois gols. Aos 33 minutos, Fessin recebeu na área, se livrou de dois marcadores em um drible só e de perna esquerda chutou para ampliar ainda mais o placar. No lance seguinte, foi a vez de Gilberto balançar as redes. Aos 34, Daniel lançou o atacante, que só teve o trabalho de bater na saída do goleiro. Assim, o primeiro tempo terminou com a vitória do time brasileiro por 4 a 0.

Na volta do intervalo, apesar da vantagem, o Bahia continuou em cima, fazendo pressão na área do adversário. Em um desses lances, aos 10 minutos, Élber rolou a bola para Elias, que chegou batendo forte, mas parou em uma defesa em dois tempos do goleiro Cáceda. Já aos 19 foi a vez de Saldanha perder um gol incrível. O atacante, que havia entrado momentos antes no duelo, recebeu um cruzamento rasteiro de Nino Paraíba e só tinha o trabalho de empurrar para o gol, mas mandou para fora.

Sem reação, o Melgar seguia vendo os donos da casa atacando. Aos 33 minutos, Rodriguinho recebeu com liberdade no meio, foi avançando e chutou de perna esquerda, mas a bola pegou muita força e foi para fora. Nos minutos finais, a partida seguiu movimentada, mas o duelo terminou mesmo com a vitória do Bahia por 4 a 0, que avançou para as oitavas de final da Sul-Americana.

FICHA TÉCNICA
BAHIA 4 X 0 MELGAR

BAHIA – Douglas Friedrich; Nino Paraíba, Lucas Fonseca, Juninho e Juninho Capixaba; Gregore (Ronaldo), Elias e Daniel (Rodriguinho); Fessin (Alesson), Élber (Rossi) e Gilberto (Saldanha). Técnico: Mano Menezes.

MELGAR – Cáceda; Fuentes (Mifflin), Ibáñes (Rabanal), Deneumostier e Reyna; Tandazo (Dani Cabrera), Míquez, Joel Sánchez, Amoroso e Vidales (Arakaki); Arce (Írven Ávila). Técnico: Marco Valência.

ÁRBITRO – Cristian Garay (Chile).

GOLS – Fessin, aos 11 e aos 33, Gregore, aos 19, e Gilberto, aos 34 minutos do primeiro tempo.

CARTÕES AMARELOS – Deneumostier e Mifflin (Melgar)

RENDA E PÚBLICO – Portões fechados

LOCAL – Fonte Nova, em Salvador (BA).

Estadao Conteudo
Copyright © 2020 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Deixe um comentário