Biden tem 5 pontos de vantagem sobre Trump, aponta pesquisa da Fox News

De Redação Estadão | 13 de setembro de 2020 | 11:15

O candidato democrata à presidência dos Estados Unidos, Joe Biden, aparece com 5 pontos de vantagem sobre o presidente americano, Donald Trump, em pesquisa conduzida pela Fox News, o primeiro levantamento feito pelo grupo após as convenções de democratas e republicanos. Segundo a sondagem, Biden lidera a preferência do eleitorado com 51% das intenções de voto, enquanto Trump aparece com 46%.
A pontuação, no entanto, está no limite da margem de erro da pesquisa, apontando pequena vantagem para os Democratas.

Segundo levantamento, a maioria eleitores tem uma opinião positiva de Biden e confia mais nele em relação a Trump sobre o combate ao coronavírus, à nomeações para a Suprema Corte e união do país. Este pontos colocam o ex-vice-presidente com um pouco mais de 50% a frente na corrida presidencial.

Ambos os candidatos garantem o apoio de seus principais blocos de votação. Biden lidera entre mulheres, eleitores suburbanos, idosos, jovens da “geração milênio”, negros e hispânicos. Trump está à frente entre os homens, brancos, eleitores rurais, veteranos, católicos brancos e membros da “geração X”.

“Apesar dos eventos público prejudicados, as campanhas geralmente são sobre o retorno partidário. Trump pode estar se beneficiando dessa dinâmica”, disse o pesquisador republicano Daron Shaw, que conduz a pesquisa da Fox News com o democrata Chris Anderson. “Parece que os eleitores indecisos com tendência republicana começaram a chegar”, avalia.

A maioria daqueles que planejam votar pelo correio, prefere Biden (71%), enquanto a maioria dos que planejam votar pessoalmente favorece Trump (58%).

Os eleitores ouvidos confiam mais em Trump em apenas uma questão: a economia, aparecendo à frente com 5 pontos. Biden é favorecido em questões como enfrentamento da desigualdade racial (+12), coronavírus (+8), saúde (+8), nomeações para a Suprema Corte (+7) e imigração (+7 pontos).

Marcela Guimarães
Estadao Conteudo
Copyright © 2020 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Deixe um comentário