Bolsas da Ásia fecham em alta, com investidor otimista com possível alta de Trump

De Redação Estadão | 5 de outubro de 2020 | 07:14

Algumas das principais bolsas da Ásia encerraram o pregão desta segunda-feira (5) em alta, reagindo à aparente melhora no estado de saúde do presidente americano, Donald Trump. Segundo boletim médico de ontem, o republicano pode ter alta do hospital ainda hoje.

Importante destacar que as praças da China continental seguem fechadas devido ao feriado do Dia Nacional. Os mercados locais não funcionarão ao longo de toda esta semana.

Em Tóquio, capital do Japão, o índice Nikkei fechou em alta de 1,23%, aos 23.312,14 pontos. Por lá, também repercutiu a notícia de que o índice de gerentes de compras (PMI, na sigla em inglês) de serviços do país subiu de 45,0 em agosto para 46,8 em setembro, de acordo com indicador divulgado hoje pela IHS Markit em parceria com o Jibun Bank.

Em Hong Kong, o índice Hang Seng subiu 1,32%, aos 23.767,78 pontos.

Já em Seul, capital da Coreia do Sul, o índice Kospi avançou 1,29%, aos 2.358,00 pontos, com a redução de temores em torno da pandemia no país oferecendo apoio adicional. O setor automotivo liderou os ganhos, com a Kia Motors em alta de 7,7%, após notícia de que as exportações sul-coreanas voltaram a crescer pela primeira vez em sete meses, em meio ao processo de recuperação econômica após o choque da covid-19.

Na Oceania, o índice S&P/ASX 200, da Bolsa de Sidney, fechou em alta de 2,59%, aos 5.941,60 pontos. (Com informações da Dow Jones Newswires).

Eduardo Gayer
Estadao Conteudo
Copyright © 2020 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Deixe um comentário