Carolinie Figueiredo sobre machimo: 'Estão categorizando nossos corpos'

De Redação Estadão | 19 de dezembro de 2019 | 18:29

Carolinie Figueiredo publicou nesta quinta-feira, 19, uma foto de lingerie em seu Instagram para falar sobre machismo e a sexualização do corpo feminino. A atriz, de 30 anos, defendeu que as mulheres não deixem a sociedade fazer críticas e apontamentos. “Parte do processo coletivo que nós mulheres estamos vivendo nessa geração é descolonizar o julgamento sobre o corpo. Assim como nossa roupa, nossa maternidade e nosso poder de escolha”, afirmou.

“O machismo é algo tão entranhado que nós naturalizamos comentários, piadas, conselhos, dicas… é como se as pessoas tivessem o direito de patrulhar nossas escolhas e nossa existência num corpo de mulher”, criticou.

“Estão categorizando nossos corpos, nossos biquínis, as cores das nossas axilas e virilhas. Vão nos conformando em caixas e rótulos. Como se esperassem de nós, mulheres, sempre sermos jovens, novinhas, hipersexualizadas e disponíveis a aprovação do olhar masculino. Somos viciadas em agradar para ser aceitas.”

Carolinie defendeu também que as mulheres devem lutar contra essa situação e promover a liberdade, amor próprio e aceitação. “Só quem tem lugar de fala sabe o que é essa pressão de crescer com a sensação de desajuste, erro, incompletude, com a necessidade de mudar nosso corpo, nossa roupa, para se sentir pertencente”, desabafou.

Estadao Conteudo
Copyright © 2019 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.