Com 3 senadores, PL anuncia apoio a Rodrigo Pacheco em eleição

De Redação Estadão | 12 de janeiro de 2021 | 14:02

O PL anunciou apoio a Rodrigo Pacheco (DEM-MG) na eleição para a presidência do Senado. O partido, uma das siglas do Centrão no Congresso, tem três senadores. Os partidos em torno de Pacheco até o momento (DEM, PSD, PT, PROS, Republicanos e PL) somam 30 senadores na data da disputa, em fevereiro.

“A importância disso é que o PL vai unido com todas as suas forças participar da próxima gestão do Senado com a presidência do nosso senador Rodrigo Pacheco”, afirmou o líder do PL na Casa, Carlos Portinho (RJ), em vídeo distribuído pela assessoria de imprensa.

O PL filiou Carlos Portinho, que estava no PSD, em dezembro.

O senador assumiu o mandato após a morte de Arolde Oliveira (PSD-RJ), vítima da covid-19.

Na esteira das negociações para a sucessão, o PL recuperou o direito a ter um gabinete de liderança, com acesso a cargos e verbas, após a filiação.

O gabinete é garantido apenas a legendas com três ou mais senadores, o que aumentou o cacife da bancada na negociação.

Daniel Weterman
Estadao Conteudo
Copyright © 2021 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.