Consumo de pesca artesanal no Litoral é incentivado

De Barbara Schiontek | 7 de janeiro de 2021 | 13:49
Foto: AEN
Foto: AEN

O tema da nova campanha de educação ambiental da empresa pública Portos do Paraná é a pesca artesanal, que garante a renda para cerca de 6 mil famílias no Litoral do Paraná. A ação começa a ser desenvolvida durante o verão, período com maior fluxo de pessoas nas praias do Paraná. O objetivo da campanha é valorizar a atividade local e incentivar o consumo de peixes da região, como o robalo, a corvina e o linguado.

“São peixes extremamente saborosos e com muita qualidade. Nossos pescadores trazem frescos, todos os dias, e são excelentes opções no lugar da tilápia, criada em cativeiro, ou mesmo o salmão, que vem de fora do país”, diz o diretor de Meio Ambiente, João Paulo Santana.

Santana também diz que comprar do pescador local é uma forma de ajudar as famílias que precisam da renda e que sofreram os impactos causados pela pandemia do coronavírus.

Programa

A campanha é desenvolvida pelo Programa de Educação Ambiental e Comunicação Social da Portos do Paraná e segue a licença de operação concedida pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama).

A ação também se encaixa no 14º item dos Objetivos de Desenvolvimentos Sustentável (ODS), criados em 2015 pela Organização das Nações Unidas (ONU). O objetivo é: “conservar e usar de forma sustentável os oceanos, mares e recursos marinhos para o desenvolvimento sustentável”.

Colaboração AEN

Deixe um comentário