Coritiba e Bragantino ficam no empate e seguem na parte de baixo da tabela

De Redação Estadão | 5 de dezembro de 2020 | 23:28

Em jogo sem grandes emoções na noite deste sábado, Coritiba e Red Bull Bragantino empataram sem gols no estádio Couto Pereira, na capital paranaense, pela 24.ª rodada do Campeonato Brasileiro. O resultado manteve as duas equipes na parte de baixo da classificação.

O Coritiba segue afundado na zona de rebaixamento em antepenúltimo lugar, com 21 pontos, quatro atrás do primeiro time fora da degola, o Sport. O Bragantino, por sua vez, chegou ao quinto jogo sem derrota na competição e está mais seguro, em 14.º, com 28.

O time do interior paulista começou a partida indo para cima do Coritiba. Logo aos 12 minutos, Ytalo cabeceou firme e obrigou Wilson a fazer grande defesa. Os paulistas seguiram dominando, com mais posse de bola e rondando a área do adversário. O Coritiba tentou chegar por meio das jogadas aéreas, mas não ameaçou Cleiton.

No final do primeiro tempo, o Bragantino criou a principal chance de marcar. Wilson cobrou tiro de meta para Sabino, que devolveu para o goleiro. A bola, contudo, ficou presa na poça d’água e sobrou para Ytalo. Livre de marcação, o atacante finalizou em cima do goleiro e acabou perdendo chance clara.

O Bragantino seguiu enfrentando problemas para penetrar na defesa do Coritiba e apostou nos chutes de fora da área para assustar. Aos 11 minutos, Aderlan arriscou e Wilson fez boa defesa com as pontas dos dedos. Depois foi a vez de Cuello finalizar colocado, novamente parando no camisa 1 paranaense. No final, as equipes ameaçaram fazer um lá e cá, deixando o jogo aberto, mas o empate persistiu.

O Bragantino volta a campo contra o Fortaleza, no próximo sábado, às 17 horas, no estádio Nabi Abi Chedid. No domingo, o Coritiba pega o Sport, às 18h15, na Ilha do Retiro.

FICHA TÉCNICA
CORITIBA 0 X 0 RED BULL BRAGANTINO

CORITIBA – Wilson; Maílton (Jonathan), Rhodolfo, Sabino e William Matheus; Matheus Sales, Matheus Galdezani e Mattheus (Brayan Lucumí); Robson (Osman), Ricardo Oliveira (Pablo Thomaz) e Rafinha (Yan Sasse). Técnico: Rodrigo Santana

RED BULL BRAGANTINO – Cleiton; Aderlan, Léo Ortiz, Ligger e Luan Cândido; Raul, Lucas Evangelista, Morato (Ramires) e Bruno Tubarão (Cuello); Claudinho e Ytalo (Alerrandro). Técnico: Maurício Barbieri.

ÁRBITRO – Jefferson Ferreira de Moraes (GO).

CARTÕES AMARELOS – Rhodolfo, Matheus Sales, Matheus Galdezani e William Matheus (Coritiba). Bruno Tubarão, Lucas Evangelista e Morato (Bragantino).

PÚBLICO e RENDA – Portões fechados

LOCAL – Estádio Couto Pereira, em Curitiba (PR).

Estadao Conteudo
Copyright © 2020 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.