Cruzeiro é liberado pela Prefeitura de BH para voltar a treinar

De Redação Estadão | 13 de maio de 2020 | 19:57

O Cruzeiro comunicou nesta quarta-feira que recebeu a autorização da Prefeitura de Belo Horizonte para a retomadas das atividades em seus centros de treinamento. O aval ao clube foi dado pelo secretário municipal da Saúde, Jackson Machado Pinto, com a recomendação de que sejam adotadas uma série de medidas para prevenir a propagação do coronavírus.

De acordo com o Cruzeiro, as diretrizes que o clube precisará seguir são “o retorno gradativo de funcionários que sejam de extrema necessidade para a execução das atividades, monitoramento de possíveis sintomas como tosse, febre, dor de garganta e coriza, higienização reforçada de todos os ambientes e a manutenção contínua dos reservatórios de água e climatização”.

Com a liberação das atividades, o Cruzeiro vai começar a preparar o retorno do elenco profissional à Toca da Raposa II, que não recebe trabalhos do grupo principal desde 18 de março.

Para viabilizar essa volta e como ela se dará, integrantes do Conselho Gestor, dos departamentos de futebol e médico, esse liderado por Sergio Campolina, vão se reunir por videoconferência. Nesse encontro virtual, vai ser definido o planejamento e as próximas etapas do retorno às atividades, que incluem a realização de exames de coronavírus em todo o elenco e demais profissionais envolvidos nos treinos.

Durante a paralisação das competições, o Cruzeiro definiu Enderson Moreira como seu novo técnico. Ele ainda não teve um contato presencial com os jogadores, que têm treinado em suas residências.

Até agora, Grêmio e Internacional foram os principais clubes a iniciarem atividades em seus centros de treinamento. Rival do Cruzeiro, o Atlético-MG testou seus atletas no início da semana para viabilizar a retomada das atividades.

Estadao Conteudo
Copyright © 2020 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Deixe um comentário