EUA: Partido Republicano apresenta proposta de pacote fiscal de US$ 1 trilhão

De Redação Estadão | 27 de julho de 2020 | 19:58

O Partido Republicano apresentou no Senado dos Estados Unidos uma proposta de um novo pacote fiscal de US$ 1 trilhão para mitigar os impactos econômicos da pandemia de covid-19. O projeto prorroga o atual benefício de auxílio-desemprego, que expira nesta semana, até setembro, mas reduz o valor pago aos desempregados, de US$ 600 para US$ 200 por semana. A partir de outubro, a medida seria substituída por uma ajuda federal no total de 70% dos salários anteriores dos trabalhadores.

“Temos um pé na pandemia e um pé na recuperação. O povo americano precisa de mais ajuda. Eles precisam que seja abrangente e que seja cuidadosamente adaptada a essa encruzilhada”, disse o líder do Partido Republicano no Senado, Mitch McConnell. Os democratas, no entanto, criticaram a proposta e querem que o benefício de US$ 600 por semana seja estendido até janeiro. Em maio, o Partido Democrata havia aprovado na Câmara dos Representantes um pacote fiscal maior, de US$ 3,5 trilhões.

A proposta apresentada hoje pelos republicanos também prevê uma nova rodada de cheques de US$ 1.200 para cidadãos americanos. Além disso, o partido do presidente americano, Donald Trump, propõe US$ 105 bilhões para auxiliar escolas que planejam retomar as atividades presenciais e US$ 16 bilhões para realização de testes de covid-19. Fonte: Dow Jones Newswires

Estadao Conteudo
Copyright © 2020 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.