Filha de Ozzy Osbourne nega que pai esteja em 'leito de morte'

De Redação Estadão | 2 de janeiro de 2020 | 18:07

Kelly Osbourne, filha do cantor Ozzy Osbourne, usou as redes sociais para negar boatos de que o pai estaria em seu “leito de morte” nesta quinta-feira, 2. Na publicação a cantora disse que passou o primeiro dia de 2020 junto com o pai.

Os rumores de que Ozzy Osbourne estaria internado e ‘à beira da morte’ circularam na última quarta-feira, 1.

Ao longo do ano de 2019 o cantor teve diversos problemas de saúde, que levaram ao adiamento de sua turnê solo pela Europa. O cantor teve uma pneumonia e passou por diversas cirurgias na coluna e no pescoço após uma queda. Osbourne também teve uma gripe e infecções na mão.

“Não é segredo de que meu pai teve um ano difícil em relação à sua saúde, mas isso as notícias sobre a possível morte de Osbourne é bobagem”, disse Kelly em seu post.

O próprio perfil de Ozzy brincou com os boatos, publicando em seu Twitter uma de suas músicas, intitulada Alive, ou “Vivo”, em português.

Em outubro de 2019, quando adiou a turnê, Osbourne publicou um vídeo em que falou sobre seu estado de saúde. “Não estou morrendo, estou me recuperando, só está demorando mais do que tudo mundo esperou. Eu estou entediado de ficar numa cama o dia todo. Mal posso esperar para me recuperar e continuar o que estava fazendo”.

*Estagiário sob supervisão de Charlise Morais

João Pedro Malar*
Estadao Conteudo
Copyright © 2020 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.