Fluxo cambial total de novembro é negativo em US$ 5,691 bi

De Redação Estadão | 4 de dezembro de 2019 | 15:01

Depois de registrar saídas líquidas de US$ 8,494 bilhões em outubro, o País fechou o mês de novembro com fluxo cambial negativo de US$ 5,691 bilhões, informou nesta quarta-feira, 4, o Banco Central.

No canal financeiro, houve saída líquida de US$ 7,301 bilhões no mês passado, resultado de aportes no valor de US$ 44,601 bilhões e de retiradas no total de US$ 51,903 bilhões. Este segmento reúne investimentos estrangeiros diretos e em carteira, remessas de lucro e pagamento de juros, entre outras operações.

No comércio exterior, o saldo de novembro ficou positivo em US$ 1,610 bilhão, com importações de US$ 13,581 bilhões e exportações de US$ 15,191 bilhões. Nas exportações, estão incluídos US$ 2,502 bilhões em Adiantamento de Contrato de Câmbio (ACC), US$ 4,108 bilhões em Pagamento Antecipado (PA) e US$ 8,582 bilhões em outras entradas.

Semana de 25 a 29 de novembro

De acordo com o BC, o fluxo cambial da semana passada (de 25 a 29 de novembro) ficou negativo em US$ 4,532 bilhões. Houve saída líquida de dólares do País em todos os dias da semana.

No período, ocorreu saída líquida pelo canal financeiro de US$ 4,664 bilhões, resultado de aportes no valor de US$ 13,587 bilhões e de envios no total de US$ 18,251 bilhões.

No comércio exterior, o saldo ficou positivo em US$ 132 milhões no período, com importações de US$ 4,679 bilhões e exportações de US$ 4,811 bilhões. Nas exportações, estão incluídos US$ 757 milhões em Adiantamento de Contrato de Câmbio (ACC), US$ 1,410 bilhão em Pagamento Antecipado (PA) e US$ 2,644 bilhões em outras entradas.

Acumulado no ano

O fluxo cambial do ano até 29 de novembro (último dia útil do mês) está negativo em US$ 27,156 bilhões, informou o BC. Em igual período do ano passado, o resultado era positivo em US$ 11,761 bilhões.

No acumulado do ano até 29 de novembro, a saída líquida de dólares pelo canal financeiro foi de US$ 42,337 bilhões. Este resultado é fruto de aportes no valor de US$ 499,171 bilhões e de envios no total de US$ 541,508 bilhões.

No comércio exterior, o saldo anual acumulado ficou positivo em US$ 15,181 bilhões, com importações de US$ 162,761 bilhões e exportações de US$ 177,942 bilhões. Nas exportações estão incluídos US$ 29,769 bilhões em Adiantamento de Contrato de Câmbio (ACC), US$ 49,463 bilhões em Pagamento Antecipado (PA) e US$ 98,710 bilhões em outras entradas.

Fabrício de Castro
Estadao Conteudo
Copyright © 2019 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.