Funchal: já há uma previsão de aumento no orçamento do Bolsa Família

De Redação Estadão | 16 de dezembro de 2020 | 15:47

O secretário do Tesouro Nacional, Bruno Funchal, disse nesta quarta-feira, 16, que o governo pode ampliar o Bolsa Família, desde que haja espaço dentro da regra do teto de gastos.

“Já há uma previsão de aumento no orçamento do Bolsa Família”, lembrou Funchal, no evento de lançamento do Relatório Econômico de 2020 da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) sobre o Brasil.

No documento, a entidade sugere que o Brasil aumente os benefícios e acelere a inclusão de pessoas no Bolsa Família, pelo menos no curto prazo. Para os economistas da entidade, a retirada desses aportes aos mais pobres deve ser feita apenas gradualmente.

O secretário-executivo do Ministério da Economia, Marcelo Pacheco dos Guaranys, citou a importância do auxílio emergencial durante a pandemia, mas avaliou ser inviável manter o benefício. “Para ampliar o Bolsa Família, precisamos rever parte dos gastos atuais”, completou.

Eduardo Rodrigues e Fabrício de Castro
Estadao Conteudo
Copyright © 2020 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.