IIF: prejuízo ao turismo traz 'impacto econômico dramático' a vários emergentes

De Redação Estadão | 15 de julho de 2020 | 14:00

O Instituto de Finanças Internacionais (IIF, na sigla em inglês) afirma que, diante da pandemia da covid-19, o turismo internacional praticamente ficou paralisado durante seis meses deste ano. Em relatório, o IIF aponta que dados de alta frequência sugerem uma queda nas chegadas de quase 100% em muitos lugares.

O IIF lembra que o turismo representa uma parcela substancial dos empregos em vários países emergentes, como México, Tailândia e Filipinas.

Segundo o instituto, seu cenário-base é de que o impacto econômico disso “pode atingir níveis dramáticos em muitos países”.

Para o IIF, qualquer recuperação será “altamente desigual”, com a Ásia e a Europa mais bem posicionadas para isso. Ao mesmo tempo, ele ressalta o quadro de “alta incerteza”, diante da perspectiva da pandemia pelo mundo.

Gabriel Bueno da Costa
Estadao Conteudo
Copyright © 2020 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Deixe um comentário