IPC-FIPE se mantém estável em 0,79% na 1ª quadrissemana de janeiro

De Redação Estadão | 13 de janeiro de 2021 | 07:22

O Índice de Preços ao Consumidor (IPC), que mede a inflação na cidade de São Paulo, se manteve estável em 0,79% na primeira quadrissemana de janeiro, segundo dados publicados nesta quarta-feira (13) pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe). A variação na mesma escala foi registrada em dezembro de 2020, última marcação do indicador.

Na quadrissemana mais recente, quatro componentes apresentaram aceleração dos preços: Habitação (de avanço de 0,33% em todo o mês de dezembro para uma alta de 0,51%); Saúde (de 0,33% para 0,56% na mesma comparação); Vestuário (de 0,26% para 0,47%); e Educação (de 0,00% para 0,67%).

Por outro lado, outros três componentes perderam força: Alimentação (de 2,08% para 2,01%), Transportes (de 0,79% para 0,72%) e Despesas Pessoais (de 0,15% para -0,39%), único item que indicou queda nos preços.

Veja abaixo como ficaram os componentes do IPC-Fipe na primeira quadrissemana de janeiro:

– Habitação: 0,51%

– Alimentação: 2,01%

– Transportes: 0,72%

– Despesas Pessoais: -0,39%

– Saúde: 0,56%

– Vestuário: 0,47%

– Educação: 0,67%

– Índice Geral: 0,79%

Eduardo Gayer
Estadao Conteudo
Copyright © 2021 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.