Morre aos 89 anos o produtor José Nogueira Neto

De Redação Estadão | 30 de maio de 2019 | 15:35

Faleceu na madrugada desta quinta-feira, 30, aos 89 anos José Nogueira Neto. Dos mais importantes produtores artísticos da Rádio Eldorado, Zé Nogueira, como era conhecido, comandou grandes momentos da rádio paulistana.

Durante mais de quarenta anos na casa produziu programas e eventos como o "Prêmio Visa da Música Brasileira", importante premiação que revelou grandes nomes do cenário musical brasileiro. Por quase dez anos também produziu o "Jô Soares Jam Session" ao lado de seu amigo humorista e outros tantos trabalhos impecáveis, como o "Empoeirado", com a apresentação de Ed Motta, o "Adega Musical", ao lado do sommelier do Fasano, Manoel Beato, e o "Grandes Encontros".

Também trabalhou com produção de espetáculos ao lado de grandes nomes do empresariado musical brasileiro. Com o argentino Marcos Lázaro, esteve próximo de Elis Regina, tanto pelo ofício quanto pela amizade. Da mesma forma, trabalhando com Ronaldo Bôscoli e Luís Carlos Miele no "Opera Cabaret", ficou íntimo de Adoniran Barbosa.

Da vida noturna a proximidade de Zé com os artistas o fez ficar amigo de muitos deles. Além do "Ópera Cabaret", no Bixiga, trabalhou nas casas "Blow-Up", na Augusta e 150, no Maksoud Plaza, lugares onde viveu histórias e aventuras improváveis com figuras como Ella Fitzgerald, João Nogueira, Buddy Guy, Gonzaguinha e outros tantos.

Apaixonado por música e por futebol, Zé Nogueira conseguiu juntar os dois mundos. O produtor era presença constante no Namorados da Noite, time fundado pelo cantor Toquinho que era o grande rival do Politheama, famoso time liderado pelo seu também amigo Chico Buarque, travando duelos semanais por mais de 42 anos.