Nadal vence alemão com facilidade e passa à terceira rodada em Roland Garros

De Redação Estadão | 29 de maio de 2019 | 07:35

Em busca de seu 12.º título em Roland Garros, o segundo Grand Slam da temporada, o espanhol Rafael Nadal passou com facilidade nesta quarta-feira à terceira rodada da competição realizada em quadras de saibro em Paris. O atual número 2 do mundo não teve trabalho para derrotar o alemão Yannick Maden, 114.º colocado do ranking da ATP, por 3 sets a 0 – com parciais de 6/1, 6/2 e 6/4, em 2 horas e 9 minutos.

O duelo desta quarta-feira foi o segundo de Nadal nesta edição de Roland Garros contra um rival vindo do qualifying. Na rodada de estreia, na última segunda, o espanhol também não teve dificuldades para ganhar de outro tenista alemão, Yannick Hanfmann (número 184 do mundo), por 3 sets a 0, em menos de duas horas de jogo.

Para a terceira rodada, a chave de Roland Garros programa um adversário bem mais perigoso para Nadal. O seu rival será o belga David Goffin, atual 29.º do ranking e cabeça de chave número 27, que nesta quarta-feira superou o sérvio Miomir Kecmanovic (85.º colocado) por 3 sets a 0 – com parciais de 6/2, 6/4 e 6/3, após 1 hora e 49 minutos.

No circuito profissional, foram quatro duelos de Nadal contra o belga, com três vitórias do espanhol sobre o saibro – a mais recente delas na semifinal do ATP 500 de Barcelona do ano passado. A única vitória de Goffin foi no piso duro do ATP Finals de 2017, em Londres.

A partida desta quarta-feira foi a 90.ª de Nadal em Roland Garros e a 88.ª vitória em 14 participações. Ele atinge também 470 jogos disputados sobre o saibro, com apenas 39 derrotas. Diante de tenistas vindos do qualifying, a sua marca em Grand Slam é agora de 22 em 23 duelos – a única derrota foi para o alemão Dustin Brown em Wimbledon de 2015.

OUTROS JOGOS – Com um pouco mais de dificuldades que Nadal, o grego Stefanos Tsitsipas avançou à terceira rodada ao derrotar o boliviano Hugo Dellien por 3 sets a 1 – com parciais de 4/6, 6/0, 6/3 e 7/5, após duas horas e 49 minutos. O atual número 6 do mundo e cabeça 6 em Paris terá pela frente agora o vencedor do duelo entre o espanhol Roberto Carballes Baena e o sérvio Filip Krajinovic.

Uma zebra também aconteceu nesta quarta-feira. Convidado da organização, o francês Corentin Moutet, número 110 do mundo, eliminou o argentino Guido Pella, cabeça de chave 19, com o triunfo por 3 sets a 1 – com parciais de 6/3, 6/1, 2/6 e 7/5.