‘Não me sinto preparada para nenhum tipo de parto’, diz Tatá Werneck

De Redação Estadão | 27 de maio de 2019 | 10:55

Tatá Werneck usou as redes sociais neste domingo, 26, para falar sobre parto normal ou cesariana. A apresentadora está grávida de uma menina, fruto do relacionamento com o ator Rafael Vitti.

No início da gestação, Tatá descobriu que tinha hiperêmese gravídica, doença caracterizada por enjoos frequentes durante a gravidez. "Estou passando mal até agora. Já vomitei 15 vezes só essa noite, mas ainda não estou com três meses e tenho a esperança de que vai melhorar" escreveu na época.

Neste domingo, ela publicou no perfil oficial no Twitter: "Não me sinto preparada para nenhum tipo de parto. Favor inventar método indolor até outubro. Grata".

Uma seguidora concordou: "Eu estou só você, socorro! A diferença é que não estou grávida e meu maior medo é quando for chegar nessa parte. Misericórdia". Outras tentaram apoiá-la. "A anestesia ajuda muito. No dia seguinte, nem lembrava das dores", escreveu uma internauta. "O parto normal é intenso, mas todas conseguimos", disse outra.