Neymar sente dores no joelho e deixa treino da seleção antes do fim

De Redação Estadão | 28 de maio de 2019 | 14:50

A seleção brasileira pode ter ganhado sua primeira grande preocupação, nesta terça-feira, na preparação para a Copa América. O atacante Neymar saiu do treino, na Granja Comary, mais cedo após sentir um incômodo no joelho esquerdo. O jogador acusou dores após chutar a gol com a perna esquerda. Ele deixou o campo mancando.

O lance aconteceu já nos minutos finais do treinamento, uma atividade realizada em metade do campo sob orientação do técnico Tite. Os 16 jogadores que já estão concentrados foram divididos em dois times – alguns jovens atletas compuseram o treino, uma espécie de coletivo.

A disputa foi acirrada, mas sem lances ríspidos. Neymar sentiu dores no joelho sem aparentemente ser tocado; ele chutou a gol de dentro da área, com Thiago Silva à frente. Logo depois da finalização, o atacante fez feição de dor, segurou o joelho esquerdo e começou a mancar, deixando o campo caminhando.

Pouco depois, o médico da seleção, Rodrigo Lasmar, foi até o atacante. Após uma rápida conversa, os dois deixaram o campo, A assessoria de imprensa da seleção ainda não divulgou informações sobre uma eventual lesão do atacante.

Esse foi o terceiro treino com bola de Neymar na seleção brasileira, que se prepara para a Copa América. O jogador se juntou ao grupo no sábado, tendo participado de atividades no mesmo dia e na manhã de domingo.