Nos EUA, Biden estende proteção contra despejo até 30 de junho

De Redação Estadão | 16 de fevereiro de 2021 | 12:16

O governo do presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, estendeu uma proteção contra despejo de residências até 30 de junho, diante dos impactos da pandemia da covid-19 na economia. Em comunicado publicado nesta terça-feira, 16, a Casa Branca nota que atualmente 20% daqueles que alugam imóveis no país têm algum atraso nesses pagamentos, com mais de 10 milhões de pessoas com atrasos em seus pagamentos de hipotecas.

Em princípio, essa proteção vigoraria até março, mas agora foi ampliada. O governo também diz que enviará ajuda aos proprietários de imóveis, para aliviar a situação “de emergência nacional sem precedentes”. Na nota, o governo insiste na importância de que o Congresso dos EUA aprove o pacote fiscal proposto por Biden, que inclui verba para enfrentar os problemas no mercado habitacional americano.

Gabriel Bueno da Costa
Estadao Conteudo
Copyright © 2021 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.