Nos EUA, Flórida registra 8,9 mil novos casos; mortos passam de 6 mil

De Redação Estadão | 27 de julho de 2020 | 14:24

O governo da Flórida registrou um acréscimo de 8.901 casos do novo coronavírus nesta segunda-feira, 27. Segunda região mais afetada dos Estados Unidos, o Estado já soma 432.747 infectados. Outros 77 óbitos pela covid-19 foram confirmados na Flórida, para um total de 6.049 vítimas fatais da doença.

Em Nova York, houve mais 608 contaminações, segundo o governador Andrew Cuomo. Ao menos 642 nova-iorquinos estão hospitalizados por conta do novo coronavírus, enquanto 11 pessoas morreram no Estado nas últimas 24 horas em decorrência do vírus.

Em entrevista coletiva, Cuomo disse que 132 bares e restaurantes não cumpriram regras do protocolo de funcionamento estabelecido pelo governo estadual neste final de semana, com a maioria dos estabelecimento situados na cidade de Nova York.

O governador afirmou que o não cumprimento das medidas de distanciamento social, em especial entre jovens, é uma preocupação que seu governo está “olhando com atenção”.

San Diego, na Califórnia, irá permitir que igrejas, academias e salões de beleza estendam suas atividades para estacionamentos privados, em decisão similar a que permite a restaurantes servirem clientes em espaços ao ar livre.

“É sobre manter nossa economia ativa, mas de forma segura, tentando ser inovador e criativo”, disse o prefeito da cidade, Kevin Faulconer, à emissora de TV CNN.

O condado de San Diego soma 26.984 casos, e é a quinta região mais afetada na Califórnia.

O condado de Los Angeles é o que soma mais infectados, com 172.611 contaminações, segundo os dados do governo californiano.

Gabriel Caldeira
Estadao Conteudo
Copyright © 2020 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Deixe um comentário