Paciente com Covid-19 recebe alta após 101 dias na UTI

De lucianpichetti | 6 de novembro de 2020 | 14:45
Foto: Divulgação

Guilherme Kovalski Lima, de 35 anos, recebeu alta da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Marcelino Champagnat, em Curitiba, após 101 dias internado com Covid-19. Diabético e hipertenso, Guilherme foi diagnosticado com o novo coronavírus e internado na UTI no dia 28 de julho com quadro de trombose pulmonar, uma das piores complicações da doença.

O paciente deixou a unidade no fim da manhã desta sexta-feira (6). A família e amigos de corais de Curitiba e São José dos Pinhais virão homenagearam Guilherme com músicas. Também foram soltos balões em frente ao hospital, para comemorar a vida de Guilherme e agradecer o trabalho de toda a equipe de saúde durante esses mais de 3 meses de internação.

“Guilherme ainda vai passar alguns dias internado fora da terapia intensiva e, mesmo em casa, vai precisar do acompanhamento da fisioterapia, fonoaudiologia e de enfermagem. Mas ele é um vitorioso e já faz parte da nossa família. Ele merece toda essa homenagem”, conta Jarbas Motta Junior, intensivista da UTI.

Guilherme tem duas filhas, uma de sete anos e uma mais nova que tinha recém-completado um ano quando Guilherme deu entrada na UTI. Ela que estava dando os primeiros passos, agora já corre pela casa. Jaqueline Lima, esposa de Guilherme, conta que o cuidado da equipe com o marido e até mesmo com a família durante todo esse período foi essencial para que ele se recuperasse.

“Falo que Deus colocou anjos no nosso caminho. Todos foram de um cuidado ímpar e sempre nos tranquilizaram sobre todo esse processo”.

Da redação com assessoria

Deixe um comentário