Paciente é empurrado por enfermeiro em maca na Transamazônica

De Redação Estadão | 13 de fevereiro de 2021 | 11:00

Um vídeo que viralizou nas redes sociais mostra um enfermeiro empurrando um paciente em uma maca para tentar desviar do engarrafamento quilométrico formado na BR-230, no município de Itaituba, no sudeste do Pará. Segundo a prefeitura, pelo menos 5 mil carretas estão estacionadas em toda a extensão da via enquanto aguardam o acesso à Estação de Transbordo de Carga (ETC) do Tapajós, principal rota para o escoamento de commodities agrícolas na região, localizada no distrito de Miritituba.

No vídeo, um enfermeiro aparece na margem da rodovia, tentando seguir com o paciente em cima de uma maca. Sem acostamento, o profissional fica parado diante do movimento das carretas, em fila tripla. Nas imagens, também é possível perceber a extensão do congestionamento.

A situação já dura pelo menos três dias e, segundo a prefeitura local, na manhã desta sexta-feira, militares Comando de Policiamento Regional bloquearam a passagem dos veículos de carga no trevo de Campo Verde, com o objetivo desafogar o fluxo na BR-230.

A maioria das carretas saem do Mato Grosso e chegam na localidade por meio da BR-163. Informações preliminares indicam que um problema na ETC teria provocado a espera do lado de fora dos pátios das empresas que gerenciam o porto. A média de circulação diária de veículos de carga no Porto de Miritituba é de 500 carretas.

Ainda segundo a prefeitura, o paciente que aparece nas imagens saiu do município de Rurópolis para o Hospital Regional do Tapajós em Itaituba. Diante da via fechada, os enfermeiros resolveram seguir a pé. Após algum tempo, a ambulância conseguiu seguir viagem.

A Secretaria de Saúde do Pará (Sespa) disse que o paciente foi admitido no hospital às 8h30 desta sexta-feira, 12. “A Sespa informa, ainda, que o paciente está sendo tratado para covid-19, internado em leito clínico e que seu estado de saúde é estável.”

A Polícia Rodoviária Federal disse que a BR-163 é um dos principais corredores logísticos do País e é usado para escoamento da safra de grãos que sai do centro do País, sobretudo de Mato Grosso até os portos do Pará.

“Buscando promover segurança viária e mobilidade, a Polícia Rodoviária Federal tem executado ações de policiamento e fiscalização (Operação Rodovida) no trecho da rodovia sob influência do porto de Miritituba.”

Danielle Ferreira
Estadao Conteudo
Copyright © 2021 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.