Pleito não terminou e projeção de vitória de Biden é falsa, diz campanha de Trump

De Redação Estadão | 6 de novembro de 2020 | 12:23

Conselheiro geral da campanha à reeleição do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, Matt Morgan divulgou comunicado nesta sexta-feira, 6, no qual nega que a disputa com o democrata Joe Biden esteja encerrada. “A falsa projeção de que Joe Biden é o vencedor é baseada em resultados de 4 Estados que estão longe do fim”, afirma o texto. “Biden está confiando nesses Estados para sua falsa reivindicação da Casa Branca, mas, assim que a eleição estiver finalizada, Trump será reeleito.”

Morgan afirma que precisa haver recontagem na Geórgia, alegando que houve erros na contagem dos votos. Também denuncia “muitas irregularidades” na Pensilvânia, entre elas restrições a voluntários para que pudessem acompanhar de perto os trabalhos da apuração, o que gerou uma demanda judicial dos republicanos. “Nós vencemos no tribunal nessa questão, mas não tivemos um tempo valioso e nos foi negada a transparência devida sob a lei estadual”, critica.

A campanha de Trump diz ainda que “parece haver” em Nevada milhares de votos realizados de modo inapropriado, enquanto no Arizona ela garante ainda esperar uma vitória, dizendo que as projeções da Fox News e da Associated Press de que Biden venceu são incorretas.

Após Biden virar na apuração da Pensilvânia, ainda não concluída, a Decision Desk projetou que ele venceu nesse Estado e portanto será o próximo presidente.

A mídia norte-americana, contudo, ainda não faz essa confirmação.

Gabriel Bueno da Costa
Estadao Conteudo
Copyright © 2020 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Deixe um comentário