Porto vence e aproveita empate do Benfica para abrir vantagem no Português

De Redação Estadão | 10 de junho de 2020 | 19:56

O Porto abriu vantagem na briga com o Benfica pelo título do Campeonato Português. Nesta quarta-feira, pela 26ª rodada, fez a sua parte ao derrotar o Marítimo por 1 a 0, no Estádio do Dragão, e ainda pôde comemorar o tropeço do clube de Lisboa, que empatou por 2 a 2 com o Portimonense, fora de casa.

O resultado leva o Porto aos 63 pontos, com dois a mais do que o Benfica. E representou uma recuperação para a equipe, que havia perdido para o Famalicão (2 a 1) na retomada do Campeonato Português – já o time de Lisboa empatou de novo, pois na rodada anterior não havia saído do 0 a 0 contra o Tondela.

Os rivais tiveram atuação ruim nesta quarta, mas o Porto ao menos pôde comemorar a vitória. E graças a um gol marcado logo nos minutos iniciais por Jesús Corona. Aos cinco da etapa inicial, após cobrança de lateral, o mexicano aproveitou desvio na entrada da área, girou e chutou de primeira para fazer 1 a 0.

No segundo tempo, aos 39 minutos, o brasileiro Alex Telles foi expulso por acúmulo de cartões amarelos. Ainda assim, o Porto conseguiu sustentar o triunfo que o deixa em vantagem antes de visitar o lanterna Aves, na terça-feira. Derrotado, o Marítimo é o 15º colocado, com 25 pontos

Mais cedo, um empate doloroso para o Benfica, pois o time chegou a abrir 2 a 0 nesta quarta-feira, com os gols marcados por Pizzi e André Almeida. Mas dois brasileiros lideraram a reação do Portimonense, que marcou com Dener e Júnior Tavares, ex-São Paulo. Assim, considerando resultados antes da paralisação das competições por causa da pandemia do coronavírus, o Benfica só ganhou uma das últimas dez partidas por diferentes competições.

O primeiro gol do time foi marcado por Pizzi, aos 17 minutos da etapa inicial, com um chute de primeira, chegando aos 15, o que o levou a dividir a artilharia do Português com o brasileiro Carlos Vinícius, seu companheiro de clube. Já André Almeida fez 2 a 0, aos 30, após erro do brasileiro Lucas Possignolo ao tentar fazer corte.

A reação do Portimonense veio após o intervalo. Dener, de cabeça, aos 20 minutos diminuiu. E Junior Tavares empatou o placar aos 30, com um chute que entrou no ângulo direito da meta do Benfica, que tentará se recuperar na próxima quarta-feira, fora de casa, contra o Rio Ave. Mesmo com o empate, o Portimonense segue na penúltima colocação, com 20 pontos.

No outro jogo do dia pelo Campeonato Português, Vitória de Setubal (11º) e Santa Clara (8º) empataram por 2 a 2.

Estadao Conteudo
Copyright © 2020 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Deixe um comentário