Presidente interina da Bolívia desiste de disputar eleição

De Redação Estadão | 18 de setembro de 2020 | 07:31

A presidente interina da Bolívia, Jeanine Áñez, desistiu de concorrer nas eleições presidenciais de 18 de outubro. Ao anunciar que deixou a corrida eleitoral, na noite da quinta-feira, 17, Áñez pediu unidade das forças que se opõem ao grupo político do ex-presidente Evo Morales. “O que está em jogo não é pouca coisa, é a democracia na Bolívia”, afirmou a presidente interina. Na quarta-feira, Áñez apareceu em uma pesquisa eleitoral apenas na quarta posição, com 10% da preferência do eleitorado. Quem lidera com folga é o candidato aliado de Morales, o ex-ministro da Economia Luis Arce, com 26%. Fonte: Associated Press.

Redação
Estadao Conteudo
Copyright © 2020 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Deixe um comentário