Produção total de óleo e gás fica estável em outubro, diz ANP

De Redação Estadão | 17 de novembro de 2020 | 18:01

A produção de petróleo e gás natural no Brasil ficou praticamente estável no mês passado, atingindo média de 3,691 milhões de barris diários de óleo equivalente (boe/d), contra 3,694 milhões de boe/d em setembro, segundo dados da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

A produção de petróleo foi de 2,873 milhões de bpd, queda de 1,27% contra setembro (2,907 milhões bpd), e a de gás natural subiu de 125,2 milhões de metros cúbicos, para 130,0 milhões de metros cúbicos entre setembro e outubro.

O pré-sal representou 68,6% da produção total do País em outubro, abaixo dos 70% do mês anterior, contribuindo com 2,535 milhões de boe/d, ante 2,586 milhões bpd em setembro.

A produção de petróleo na região registrou 2,013 milhões de bpd, 1,98% a menos do que em setembro, e 82,9 milhões de m3/d de gás natural.

O campo de Tupi (ex-Lula) continua como maior produtor brasileiro, com 1,125 milhão de boe/d, seguindo do campo de Búzios com 707,2 mil bpd. Já a queima de gás caiu 12,99% em outubro, para 3,024 milhões de m3/d.

Denise Luna
Estadao Conteudo
Copyright © 2020 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Deixe um comentário