Santos acerta negociação com o Al Hilal e Soteldo se despede em Curitiba

De Redação Estadão | 17 de outubro de 2020 | 19:22

O venezuelano Soteldo vai defender o Al Hilal, da Arábia Saudita. O Santos aceitou a proposta de R$ 40 milhões e havia deixado a decisão nas mãos no jogador, que acenou positivamente para a proposta.

A despedida do jogador é na partida contra o Coritiba, neste sábado, e foi confirmada pelo próprio técnico Cuca. “Não tem incerteza, é o último jogo dele, ele vai embora. É uma proposta financeira muito boa e usamos essa despedida na preleção. Que ele seja feliz”, afirmou o treinador.

Soteldo ganhou a faixa de capitão em seu jogo de despedida, diante do Coritiba. Sai para lamento dos torcedores, que não queriam que o jogador deixasse a Vila Belmiro. As santistas “invadiram” as redes sociais para pedir sua permanência.

Mas o negócio já está acertado. Foi a terceira investida em Soteldo no ano. Primeiro foi o Atlético-MG quem procurou o jogador. Ele era um pedido do técnico Jorge Sampaoli.

O Santos disse “não” e o pequenino atacante fez juras de amor ao Santos. Então surgiu a proposta dos árabes. O Al Hilal ofereceu R$ 33 milhões e o Santos nem quis abrir negócio, informando que o valor era “muito baixo”.

A nova proposta, com R$ 7 milhões a mais agradou e o clube aceitou. Soteldo decidiria o futuro. O Santos não ia se impor à escolha do jogador e ele optou por atuar no mundo árabe.

Estadao Conteudo
Copyright © 2020 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Deixe um comentário