Secretário Municipal de Saúde de SP descarta falta de vacinas na capital

De Redação Estadão | 16 de fevereiro de 2021 | 11:17

O secretário municipal de Saúde de São Paulo, Edson Aparecido, descartou que faltem doses das vacinas contra o novo coronavírus para aplicação em habitantes da capital paulista. “No município de São Paulo temos sido muito rigorosos em cumprir o que determinou o Ministério da Saúde, por meio do Plano Nacional de Imunização, e o plano da Secretaria Estadual de Saúde”, afirmou Aparecido nesta terça-feira em entrevista à rádio CBN.

Segundo informou, a partir do dia 1º de março, o município iniciará a vacinação do público com mais de 80 anos, cerca de 78 mil pessoas que estão previstas para receber a vacinação.

A expectativa da Secretaria de Saúde é até sexta-feira (19) ou sábado (20) vacinar todo o grupo de pessoas entre 85 anos e 90 anos. “Ontem o movimento esteve um pouco abaixo nas unidades de saúde. Em função um pouco da segunda e terça-feira, estes dois dias, embora não tenha o ponto facultativo do carnaval, as pessoas acabaram não saindo para se vacinar”, esclareceu Aparecido.

Pedro Caramuru
Estadao Conteudo
Copyright © 2021 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.