Seleção tem só 8 em campo no 1º treino e Richarlison em tratamento

De Redação Estadão | 5 de outubro de 2020 | 19:49

O início da preparação da seleção brasileira para os primeiros jogos da seleção brasileira nas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2022 começou com poucos jogadores em campo, na Granja Comary, e alguma preocupação envolvendo o atacante Richarlison, mas a expectativa é de que ele possa ser aproveitado por Tite.

Nesta segunda-feira, o técnico trabalhou com oito convocados em campo em Teresópolis: Neymar, Marquinhos, Rodrigo Caio, Éverton Ribeiro e Gabriel Menino e os goleiros Ederson, Weverton e Santos. Dois jogadores do sub-20 do Vasco, o lateral-esquerdo Riquelme e o atacante Lucas Figueiredo foram chamados para completar atividade.

Tite comemorou a volta aos treinos da seleção. “É uma sensação que te traz alegria. Esse é o aspecto importante, estar com os atletas, projetar situações que vão acontecer no jogo, mesmo estando com poucos atletas, alguns recuperando e dando essa dosagem de carga. Conduzindo trabalho tático e essa projeção para o jogo, para a nossa preparação. Tem todo lado humano, todo lado de expectativa muito grande. A grandeza de representar a seleção brasileira, isso traz o aspecto emocional, algo considerável. Trazendo bom ambiente de trabalho e confiança, estamos mais próximos de desempenho e resultado”.

Como Thiago Silva, Felipe, Renan Lodi e Everton Cebolinha atuaram no domingo pelos seus clubes, apenas correram em volta do campo. Richarlison, por sua vez, realizou fisioterapia no tornozelo esquerdo por causa de pancada sofrida no sábado, quando estava em campo pelo Everton.

De acordo com o médico Rodrigo Lasmar, Richarlison não deve ser desfalque para Tite. “Nossa expectativa é positiva, achamos que ele tem condição de se recuperar. Vamos acompanhando dia a dia para que ele tenha condições de voltar a treinar”.

Estadao Conteudo
Copyright © 2020 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Deixe um comentário