Senado discute reforma administrativa, mas, sem acordo, votação ainda não começou

De Redação Estadão | 28 de maio de 2019 | 17:25

O Senado discute há duas horas a reforma administrativa do governo, mas ainda não começou a votar o texto da medida provisória e o destino do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf). Sem acordo, o texto que a Câmara aprovou, devolvendo o órgão ao Ministério da Economia, poderá ser votado nominalmente – exibindo o voto de cada um dos parlamentares. O pedido para que o Coaf continue no Ministério da Justiça e Segurança Pública ficará para uma votação separada. Senadores cogitam a possibilidade de deixar esse item para amanhã.