Soluções para crise hídrica serão debatidas nesta quinta

De lucianpichetti | 3 de junho de 2020 | 18:01
Foto: Pexels

Em plena Semana Mundial do Meio Ambiente, celebrada entre os dias 1º e 5 de junho, a Câmara Municipal de Curitiba (CMC) realiza reunião pública para debater propostas e soluções à crise hídrica que afeta o estado do Paraná. O encontro remoto entre vereadores e especialistas no assunto será nesta quinta-feira (4), às 14h30, e terá transmissão ao vivo pelo canal da CMC no Youtube. A iniciativa é dos parlamentares que integram a Comissão de Meio Ambiente, Desenvolvimento Sustentável e Assuntos Metropolitanos.

Já confirmaram presença no evento o diretor de Saneamento Ambiental e de Recursos Hídricos do Instituto Água e Terra, José Luiz Sccrocaro; o diretor de Meio Ambiente e Ação Social da Sanepar, Julio Cesar Gonchorosky; a diretora do Departamento de Recursos Hídricos e Saneamento da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (SMMA), Ana Carolina Schimidlin; e o superintendente de Controle Ambiental da SMMA, Ibson Gabriel de Campos.

Presidente do colegiado e professor de energias renováveis, Bruno Pessuti (Pode) defende o debate sobre a gestão dos mananciais e a adoção de medidas preventivas, para evitar que o desabastecimento volte a acontecer. O vereador lembra que algumas iniciativas já estão sendo realizadas pela Sanepar, como a retirada de água em pedreiras desativadas e cavas, e propõe a discussão sobre outras práticas, como a perfuração de poços artesianos e a transposição de bacias.

“Há uma ideia, que temos discutido, de adoção a longo prazo, que seria trazer água do reservatório de Itaipu até a capital. Uma espécie de ‘coluna cervical de água do estado’, fazendo com que ela vá até o Rio Iguaçu e depois retorne à bacia do rio Paraná. Ou seja, uma transposição dentro da mesma bacia, o que resultaria em um impacto ambiental menor se compararmos com uma transposição de um rio de outra bacia, ou de um outro que vai para o mar”.

A Comissão de Meio Ambiente é formada pelos vereadores Bruno Pessuti (Pode), presidente, Marcos Vieira (PDT), vice, Fabiane Rosa (PSD), Geovane Fernandes (Patriota) e Katia Dittrich (Solidariedade).

Colaboração CMC

Deixe um comentário