TCM exibe 'Vestígios do Dia'

De Redação Estadão | 19 de maio de 2020 | 07:11

James Ivory recebeu tardiamente – aos 89 anos – o Oscar de roteiro adaptado por Me Chame Pelo Seu Nome, de Luca Guadagnino, de 2017. Antes disso, como diretor, já se destacara por uma obra de prestígio em parceria com seu companheiro, o produtor Ismail Merchant. Ivory e Merchant fizeram muitos filmes para discutir diferenças culturais e a herança do colonialismo inglês na Índia.

Em 1993, e baseados no romance de Kazuo Ishiguro, levaram a Cannes Vestígios do Dia. O filme passa nesta terça, 19, no TCM, às 19h43. Anthony Hopkins faz o mordomo que vive para servir o patrão, um aristocrata, interpretado por James Fox, que adere ao fascismo nos anos 1930. Por ele, sacrifica tudo, até o amor de sua vida – a personagem de Emma Thompson.

Exatamente 30 anos antes, com roteiro de Harold Pinter, Joseph Losey fez o clássico O Criado, com Dirk Bogarde como o amoral Barrett, que assume o controle da vida do patrão – vejam só, James Fox. Losey dizia que conseguiu fazer seu filme porque, na época, fugitivo do macarthismo em Hollywood, ainda não conhecia as sutilezas da vida britânica. Qualquer aristocrata silenciaria o criado insolente só com a reprovação do olhar. E ele saberia seu lugar, como Anthony Hopkins, tragicamente sabe, aqui.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Luiz Carlos Merten
Estadao Conteudo
Copyright © 2020 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Deixe um comentário