Trump ironiza ida de delegação mexicana aos EUA para discutir fronteira

De Redação Estadão | 2 de junho de 2019 | 13:05

Por: Leticia Pakulski, com informações da Associated Press

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, ironizou a ida de uma delegação do México aos Estados Unidos para discutir os problemas na fronteira e a questão da tarifa que os EUA ameaçam impor ao país vizinho caso ele não contenha o fluxo de imigrantes ilegais.

“O México está enviando uma grande delegação para conversar sobre a fronteira. O problema é que eles estão “conversando” há 25 anos. Nós queremos ação, não conversa”, disse Trump, em sua conta no Twitter. “Eles poderiam resolver a crise da fronteira em um dia, se assim o desejassem. Caso contrário, nossas empresas e nossos empregos estão voltando para os EUA!”

Mais cedo, a ministra da Economia do México, Graciela Marquez, disse no Twitter que agendou uma reunião com o secretário de Comércio dos EUA, Wilbur Ross, na segunda-feira em um esforço para desarmar as tensões entre os dois países. O compromisso foi fechado enquanto ambos participavam no sábado da cerimônia de posse do presidente de El Salvador, Nayib Bukele.

Trump ameaçou aplicar uma tarifa de 5% sobre todos os produtos mexicanos a partir de 10 de junho se o país não conseguir conter o fluxo de migrantes aos EUA. O governo norte-americano planeja gradualmente elevar essa tarifa para 25% se permanecer insatisfeito com os resultados.

Autoridades de comércio e relações exteriores do México também têm reuniões agendadas para quarta-feira em Washington.

Contato: [email protected]