Uruguai derrota a Colômbia, em Barranquilla, e ganha moral para encarar o Brasil

De Redação Estadão | 13 de novembro de 2020 | 19:49

O Uruguai conseguiu uma importante vitória, nesta sexta-feira, diante da Colômbia, em Barranquilla, por 3 a 0, em duelo válido pela terceira rodada das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo do Catar/2022.

Com o resultado, os uruguaios alcançaram os seis pontos ganhos, ultrapassando os colombianos, que permaneceram com quatro. A liderança é a Argentina, que soma sete. As duas seleções voltam a campo na terça-feira, quando a Colômbia viaja para encarar o Equador, enquanto o Uruguai recebe o Brasil.

Um erro do zagueiro Mina, ex-Palmeiras, propiciou a arrancada de Nández, logo aos quatro minutos de jogo. O passe muito bem feito foi aproveitado pelo experiente Cavani: 1 a 0. O artilheiro voltou à seleção celeste após ficar de fora das duas primeiras rodadas por estar na época sem clube e fora de forma.

A Colômbia sentiu o gol e demorou para se restabelecer na partida. O time do meia James Rodríguez só foi pressionar em busca do empate nos 15 minutos da etapa inicial, mas sem conseguir concluir com grande perigo.

Na segunda etapa, mais uma vez no início, aos nove minutos, Luis Suárez converteu um pênalti e ampliou a vantagem uruguaia, o que fez a Colômbia se jogar ao ataque em desespero. Mas o dia não era de sorte para os anfitriões.

Morelos e Zapata tentaram, mas suas conclusões pararam na boa atuação de Campaña. Pior: aos 27, Núnêz recebeu na intermediária e arriscou meio sem jeito, mas Ospina foi mal no lance e a bola entrou: 3 a 0.

No fim do jogo, Mina recebeu o segundo cartão amarelo e acabou expulso, tornando-se desfalque colombiano para o jogo no Equador. Já o Uruguai ficou bastante confiante para o duelo com a seleção brasileira em Montevidéu.

Estadao Conteudo
Copyright © 2020 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.

Deixe um comentário