Viúva de Larry King pretende brigar na justiça por herança

De Redação Estadão | 17 de fevereiro de 2021 | 15:02

O apresentador Larry King, falecido em janeiro aos 87 anos, estava casado desde 1997 com Shawn Southwick King. Porém, sua sétima esposa teve uma surpresa desagradável ao descobrir que o testamento inclui apenas os filhos de Larry. O documento, escrito à mão, data de outubro de 2019, logo após ter início o processo de divórcio que não foi concluído até sua morte, segundo informações do site TMZ.

A viúva alega que o divórcio não aconteceu porque havia uma possibilidade de reconciliação do casal. O novo testamento será levado à justiça pois, segundo Shawn, não altera sua posição como executora do testamento feito em 2015, e ainda viola o acordo pós-nupcial.

Larry estava internado desde dezembro com covid-19, mas a viúva afirma que sua saúde já estava prejudicada e que o apresentador teve um AVC na época em que escreveu o seu último testamento, por isso sua capacidade mental era “questionável”.

Enquanto Shawn se mobiliza para contestar o documento, o filho mais velho do apresentador, Larry King Jr., 60, entrou na justiça pedindo para ser administrador especial dos bens do pai.

Estadao Conteudo
Copyright © 2021 Estadão Conteúdo. Todos os direitos reservados.