Vereadores aprovam homenagem póstuma a Rachel Genofre

De lucianpichetti | 14 de outubro de 2020 | 18:11
Foto: Rodrigo Fonseca/CMC

Com 26 votos favoráveis, os vereadores da Câmara Municipal de Curitiba (CMC) confirmaram, nesta quarta-feira (14), em segundo turno, a homenagem póstuma a Rachel Maria Lobo Oliveira Genofre. O nome da menina, assassinada em 2008, quando tinha nove anos de idade, irá identificar um bem público na capital do Paraná (009.00040.2019). O local será decidido em diálogo com a Prefeitura de Curitiba, pois a proposição não determina o logradouro.

O crime contra Rachel Genofre só foi elucidado onze anos depois, graças ao Banco Nacional de Perfis Genéticos, que identificou o acusado detido em São Paulo, preso por estupros e outros crimes. O projeto de lei é resultado de um pedido da mãe de Rachel, Maria Cristina Lobo Oliveira, que no dia 5 de novembro de 2019 esteve na CMC, com mais integrantes da Frente Feminista de Curitiba e Região Metropolitana.

Da redação com assessoria

Deixe um comentário